Estrutura de 14 toneladas para a P-55 chega ao dique seco nesta quinta

[:br] O Spreeder Truss, uma estrutura de 18 metros de comprimento, seis metros de largura, pesando 14 toneladas, fabricada pela Cooperativa dos Trabalhadores Metalúrgicos de Canoas (CTMC) para a plataforma P-55, chega nesta quinta-feira ao Estaleiro Rio Grande (ERG1). O transporte da peça, desde Canoas, é feito em uma carreta extensiva que viaja com velocidade de 30km/h, acompanhada pela Polícia Rodoviária Federal e Estadual, mais escoltas particulares e uma viatura da Pacheco Logística (Grupo Darcy Pacheco). O veículo saiu de Canoas às 10h de segunda-feira e, às 17h de ontem, chegou ao Posto Ongaratto, no Povo Novo. Na manhã desta quinta-feira, segue para o ERG1, onde está localizado o dique seco, no qual ocorre a construção da P-55.

Conforme o gerente de Logística do Grupo Darcy Pacheco, Newvani Cirolini Correa, o percurso da viagem abrangeu inicialmente a rodovia Canoas-Porto Alegre (BR-116), seguindo por Pantano Grande pela estrada Porto Alegre – Pantano Grande (BR-290). A partir de Pantano, em direção ao sul do Estado, a rodovia Rio Pardo – Canguçu (ERS-471) e depois a BR-392, fazendo o caminho final: Canguçu – Rio Grande.

Avaliada em R$ 960 mil, a estrutura foi fabricada em 30 dias. O equipamento é uma peça auxiliar para movimentar o módulo da plataforma, que será acoplado ao cais no Estaleiro Rio Grande. A plataforma P-55 está sendo executada pela Quip S/A e a previsão é de que ela fique pronta em dezembro de 2012. Depois de pronta, a P-55, que é uma unidade do tipo semissubmersível, atuará no Campo de Roncador, localizado na Bacia de Campos, onde ficará ancorada em profundidade de 1.800 metros e terá, no total, 18 poços a ela ligados.

 

Fonte: www.jornalagora.com.br[:]

Compartilhe esta notícia
LinkedIn
Twitter
Facebook
WhatsApp

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Para mais informações, visite nossa Política de Privacidade.

Abrir bate-papo
1
Olá 👋
Podemos ajudar?